22.8 C
São Paulo
sábado, fevereiro 24, 2024
InícioCibersegurançaRDDoS: Brasil Sofre 22% dos Ataques Globais, Diz Pesquisa da NSFOCUS

RDDoS: Brasil Sofre 22% dos Ataques Globais, Diz Pesquisa da NSFOCUS

Descoberta recente da NSFOCUS, a família de botnets RDDoS coloca o Brasil como o segundo país mais afetado globalmente, despertando preocupações no cenário de segurança cibernética nacional.

O Surgimento da RDDoS e Seu Impacto no Brasil

O Sistema Global de Caça a Ameaças da NSFOCUS identificou uma nova família de botnets, nomeada RDDoS, caracterizada pelo uso intensivo do método ICMP_flood em seus ataques DDoS. Este tipo de ataque representa uma evolução no cenário de ameaças digitais, onde 80% das atividades detectadas são realizadas dessa forma, afetando majoritariamente os Estados Unidos, Brasil e França.

A RDDoS se destaca por sua capacidade de executar comandos e criar subprocessos eficazes, tornando-a uma ameaça mais robusta e difícil de mitigar. Essa característica permite aos invasores não apenas realizar ataques DDoS, mas também potencialmente controlar dispositivos infectados de forma mais sofisticada.

O Brasil, sendo um dos países mais afetados com 22% das atividades do RDDoS, enfrenta um desafio significativo. A necessidade de reforçar as estratégias de segurança cibernética se torna ainda mais premente, considerando o crescente número de ataques e a sofisticação dos mesmos.

O Panorama da Segurança Cibernética no Brasil

Um estudo da CyberRisk Alliance para a Infoblox revelou que 61% dos profissionais de TI no Brasil sofreram ataques cibernéticos, com uma estimativa de perdas financeiras em torno de R$10,2 milhões. Esses dados ressaltam a urgência de ações preventivas e estratégias de segurança robustas no ambiente empresarial brasileiro.

Diante dessa ameaça emergente, as empresas brasileiras são chamadas a agir rapidamente. A implementação de sistemas de detecção e resposta a incidentes cibernéticos torna-se crucial para minimizar os danos e prevenir futuras invasões.

Tendência de Queda nos Ciberataques no Brasil e o RDDos

Apesar do aumento na sofisticação das ameaças cibernéticas, como evidenciado pelo surgimento do RDDoS, um relatório recente da Incyber indica uma tendência de queda no nível de ciberataques no Brasil. Organizações estão se tornando mais resilientes e capazes de responder efetivamente a esses desafios digitais.

Isso pode ser um reflexo de investimentos maiores em tecnologias de segurança, melhor formação e conscientização de equipes, e uma abordagem mais proativa no monitoramento e na prevenção de ataques. Este cenário positivo mostra que, mesmo diante de ameaças crescentes e sofisticadas, há um movimento contínuo de melhoria na proteção contra invasões digitais no país.

Em um ambiente cada vez mais digital e interconectado, a segurança cibernética é essencial para proteger os dados e operações das empresas. O surgimento da RDDoS serve como um alerta para a constante evolução das ameaças, enquanto a tendência de queda nos ciberataques mostra que a resiliência e a capacidade de resposta das organizações brasileiras estão em ascensão.

A conscientização, a educação em segurança e o investimento contínuo em tecnologias de proteção desempenham um papel crucial na defesa contra ameaças cibernéticas em constante evolução.

Assine nossa Newsletter para receber os melhores conteúdos do Itshow em sua caixa de entrada.

Lairiane Brasil
Lairiane Brasil
Formada em Direito, redatora e publisher no portal de notícias Itshow. Possui uma rica experiência em contribuir para blogs renomados, incluindo Seu Crédito Digital, Multiverso Notícias e Meu Banco Digital. Atualmente, aprimora seus conhecimentos sobre redação e marketing de conteúdo, sempre buscando inovar e trazer novas perspectivas para o universo digital.
Postagens recomendadas
Outras postagens