17.6 C
São Paulo
sexta-feira, junho 21, 2024

Sd-wan

Conheça 6 etapas práticas para resolver problemas e monitorar ambientes de SD-WAN

A tecnologia SD-WAN (Software-Defined Wide Area Network) está se tornando cada vez mais popular entre as empresas, oferecendo uma solução de rede escalável e...

SD-WAN

O que é arquitetura de SD-WAN?

Arquitetura de SD-WAN (Software-Defined Wide Area Network ou Rede WAN Definida por Software) é uma abordagem para conectar WANs (Wide Area Networks) utilizando softwares para gerenciar e otimizar a conectividade de rede e fornecer melhor desempenho para aplicativos e tráfego da web.  Antes, essa função era realizada exclusivamente pela WAN e o gerenciamento era feito por meio de um servidor local (data center). Porém, com a tecnologia avançando e os serviços SaaS (Software as a Service) e IaaS (Infrastructure as a Service) se popularizando, as empresas migraram para a nuvem. Como consequência, alguns aspectos foram sendo perdidos, como o nível de integridade e a velocidade.  Ao usar a SD-WAN, é possível ajustar dinamicamente a largura de banda, minimizar o jitter e a perda de pacotes, entre outras vantagens. Por isso, ela tem sido cada vez mais utilizada.

Como funciona a SD-WAN?

SD-WAN funciona monitorando e gerenciando a conectividade de rede para permitir que as empresas conectem filiais, usuários remotos e aplicativos em nuvem com altos níveis de desempenho e segurança.  Ao invés de depender exclusivamente das conexões MPLS (Multiprotocol Label Switching) caras e estáticas da WAN tradicional, a SD-WAN permite a conectividade de largura de banda mais acessível, como banda larga, para ser utilizada de maneira inteligente.  Essa tecnologia utiliza roteamento inteligente para direcionar o tráfego com base nas necessidades de desempenho e prioridade do aplicativo, permitindo a otimização dinâmica da largura de banda e a maximização da conectividade. Além disso, ela pode ser integrada a soluções de VPN (Virtual Private Network), com o objetivo de proteger contra ameaças de segurança e fornecer uma arquitetura de rede mais segura. Em resumo, a SD-WAN permite uma gestão eficiente da rede WAN, maximizando o desempenho de aplicativos e tráfego, mesmo quando se conecta a SaaS (Software as a Service) e outras soluções em nuvem, fornecendo uma conectividade mais acessível e segura.

Quais são os benefícios da SD-WAN?

Quando as empresas passaram a migrar para a nuvem, a arquitetura WAN tradicional passou a não dar conta do tráfego de acesso às aplicações que estão distribuídas globalmente. Com isso, surgem consequências como problemas de desempenho das aplicações SaaS, uso de circuitos dedicados e backups de maneira ineficiente, além do desafio constante de assegurar a conexão de diferentes tipos de usuários em vários dispositivos à ambientes em nuvem. Já ao adotar a SD-Wan, a empresa passa a assegurar benefícios como:

  •  Gerenciamento simplificado da WAN – é possível gerenciar a rede WAN de forma centralizada e eficiente, simplificando a configuração e garantindo alta disponibilidade para aplicativos e tráfego da web.
  • Conectividade com SaaS – possibilita a conexão a soluções em nuvem, incluindo SaaS, oferecendo uma arquitetura mais flexível e escalável em comparação com a WAN tradicional.
  • Maior segurança – pode ser integrada a soluções VPN para proteger contra ameaças de segurança e fornecer uma arquitetura de rede mais segura.
  • Otimização da largura de banda – o roteamento inteligente direciona o tráfego com base nas necessidades de desempenho e prioridade do aplicativo, permitindo a otimização dinâmica da largura de banda e a maximização da conectividade.
  • Conectividade mais econômica e flexível – é possível conectar a soluções em nuvem e filiais com uma banda larga mais econômica e flexível, ao invés de depender exclusivamente de conexões MPLS (Multiprotocol Label Switching) caras da WAN tradicional.
  • Segmentação de ponta a ponta segura – essa tecnologia oferece conectividade segura entre data centers e usuários, segmentando o tráfego de ponta a ponta.

 Como setores diferentes aproveitam os benefícios da SD-WAN?

Empresas de diferentes setores podem se beneficiar do uso da SD-WAN para otimizar suas redes. Abaixo listamos alguns exemplos.  Bancos e instituições financeiras Bancos e instituições financeiras precisam lidar, cada vez mais, com exigências de serviços mais ágeis e conectados. Este setor tem como desafio fornecer altos níveis de segurança para transações onlines, armazenamento de dados privados e aplicativos criptografados para facilitar a experiência do usuário.  Esse setor pode se beneficiar da SD-WAN para garantir segurança e disponibilidade de aplicações financeiras sensíveis, como sistemas de gerenciamento de contas e transações bancárias.

Empresas de comércio eletrônico

Com o crescimento exponencial dos e-commerces em todo o mundo, esse setor também precisa investir em acesso remoto seguro às suas aplicações. Além disso, a otimização da rede proporciona uma navegação mais otimizada ao usuário, podendo afetar as taxas de conversão. Além disso, o SD-WAN oferece camadas de segurança adicionais para garantir a proteção de informações sensíveis, como informações de pagamento e dados pessoais dos clientes.

Empresas de Saúde

Em instituições de saúde existem diversas informações consideradas sensíveis, como é o caso das informações médicas dos pacientes. Apenas os profissionais de saúde devem acessar e compartilhar as informações que sejam vitais para o tratamento, por isso, esses dados devem trafegar em redes seguras. Ao usar o SD-WAN, não apenas a segurança é garantida, como também a disponibilidade das informações – um aspecto crucial, visto que o tempo é um fator crítico neste setor. Esses são apenas alguns exemplos, pois, basicamente, empresas de todos os setores podem usar a SD-WAN para melhorar a performance de aplicações, aumentar a eficiência da rede e reduzir custos.

Qual a diferença entre a SD-WAN e a WAN legada?

A SD-WAN e a WAN legada diferem principalmente na forma como lidam com conexões de rede corporativas e roteamento de tráfego. A WAN legada é baseada em redes privadas MPLS, que oferecem conexões seguras, mas são menos flexíveis e mais caras. Já a SD-WAN, utiliza uma combinação de conexões de banda larga e WAN privada para garantir conectividade e largura de banda de alta performance para os usuários. Além disso, a SD-WAN também inclui tecnologias avançadas de roteamento e gerenciamento de tráfego, tornando-a mais flexível e eficiente do que as WANs tradicionais. Pode-se dizer, portanto, que a SD-WAN é uma alternativa mais moderna e aprimorada às WANs tradicionais, oferecendo melhor desempenho, flexibilidade e segurança aos usuários corporativos.

Segurança baseada em políticas da SD-WAN

A segurança baseada em políticas da SD-WAN permite que as empresas definam e implementem políticas de segurança em toda a sua infraestrutura de rede. Isso é possível graças ao gerenciamento centralizado da SD-WAN, que permite a criação e aplicação de políticas em tempo real como filtragem de sites para combater phishing, lista de URLs bloqueados, microssegmentação, entre outros.