28.9 C
São Paulo
terça-feira, abril 16, 2024
InícioLiderança de TIRodrigo Ribeiro do Banco ABC Brasil prevê inovação e eficiência operacional como...

Rodrigo Ribeiro do Banco ABC Brasil prevê inovação e eficiência operacional como palavras-chave para 2024

Em um cenário de incertezas econômicas marcado por altas taxas de juros e desafios políticos em 2023, o Banco ABC Brasil, sob a liderança do CIO e CTO Rodrigo Ribeiro, buscou eficiência operacional e inovação para se destacar. 

Segundo Ribeiro, o mercado enfrentou a necessidade de cortar custos enquanto se adaptava às demandas emergentes, como o boom da inteligência artificial generativa (IA generativa), que desempenhou um papel crucial na otimização dos processos internos e na melhoria da experiência dos funcionários.

Para 2024, Ribeiro antecipa a continuação dos esforços de eficiência operacional, com ênfase na adoção de robôs e IA generativa para otimizar operações e repensar contratos significativos, especialmente em nuvem. 

AnyConv.com Banners 2
Rodrigo Ribeiro do Banco ABC Brasil prevê inovação e eficiência operacional como palavras-chave para 2024 2

Baixe agora o guia de 100 líderes de tecnologia que você precisa acompanhar em 2024!

Ele vê a IA generativa como um vetor de transformação não só na relação com o cliente, através de atendimentos automatizados e analíticas avançadas, mas também na eficiência da engenharia de software, onde já se observa um aumento de mais de 30% na produtividade.

Ribeiro destaca a importância de investimentos em nuvem, dados, analíticos e inteligência artificial como fundamentais para a sustentação e avanço tecnológico das empresas. Além disso, sublinha a necessidade de uma gestão eficaz de talentos, realçando o papel da liderança inspiradora e a criação de ambientes que promovam o crescimento e a inovação.

No que se refere à cibersegurança, o executivo enfatiza a constante evolução e adaptação como essenciais para enfrentar ameaças emergentes, especialmente considerando o avanço rápido das tecnologias de inteligência artificial. A gestão da infraestrutura e rede em 2024 se concentrará na eficiência operacional, com um olhar atento para a otimização de custos na nuvem e na automação de processos.

Em suma, a perspectiva de Rodrigo Ribeiro para o setor de TI em 2024 é de equilíbrio entre inovação e eficiência, com investimentos direcionados para tecnologias emergentes, como IA generativa e computação em nuvem, enquanto mantém um foco rigoroso na gestão de custos e talentos.

Fernanda Martins
Fernanda Martins
Formada em Letras, com pós em mídias sociais, e redatora do portal de notícias Itshow. Já escreveu para vários blogs de cultura pop, produziu conteúdo no Facebook e no Instagram sobre literatura e até escreveu algumas fanfics pela internet. Hoje, se especializa em redação e usa suas habilidades de escrita crítica e literária para trazer mais sensibilidade aos textos e continuar fazendo o que ama.
Postagens recomendadas
Outras postagens