17.6 C
São Paulo
segunda-feira, maio 27, 2024
InícioCibersegurançaRisco Crescente de Ataques Cibernéticos em IoT e Plataformas de Nuvem no...

Risco Crescente de Ataques Cibernéticos em IoT e Plataformas de Nuvem no Varejo

Um estudo recente da Netskope aponta um aumento alarmante no número de ataques cibernéticos no setor de varejo, com foco especial em dispositivos de Internet das Coisas (IoT) e uma notável transição nas plataformas de nuvem de Google para Microsoft. As descobertas destacam vulnerabilidades críticas e mudanças de uso que ampliam os riscos de segurança, desafiando os líderes de TI a implementarem medidas de proteção mais eficazes.

Os ataques exploram desde câmeras de segurança até sistemas de armazenamento em nuvem, sugerindo uma necessidade urgente de estratégias de segurança que acompanhem a evolução das ameaças. A complexidade e a escala desses ataques exigem uma abordagem robusta e adaptativa para proteger dados sensíveis e garantir a continuidade dos negócios.

Predominância dos Infostealers no Varejo

Os infostealers são malwares projetados especificamente para roubar informações confidenciais como logins, senhas, detalhes de cartões de crédito e outros dados pessoais e financeiros.

Eles operam infiltrando-se silenciosamente em sistemas e extraindo as informações desejadas sem serem detectados, representando uma ameaça significativa especialmente em setores como o varejo, que realiza um grande volume de transações financeiras e armazena dados pessoais de clientes.

“Esses malwares são especialmente perigosos porque se integram silenciosamente nos sistemas e exfiltram dados valiosos sem serem detectados”, explica Paolo Passeri, diretor de Inteligência Cibernética da Netskope.

Estatísticas indicam que cerca de 70% dos varejistas já enfrentaram algum tipo de incidente de segurança relacionado a infostealers nos últimos dois anos, o que reforça a necessidade de uma vigilância constante e de soluções de segurança avançadas.

Este tipo de malware alimenta um ecossistema de crime cibernético, onde credenciais e informações financeiras são vendidas no mercado negro, aumentando ainda mais os desafios de segurança para as empresas deste setor.

O Risco crescente de dispositivos IoT no Varejo

O relatório também sublinha a crescente ameaça de botnets como Mirai, que têm como alvo dispositivos IoT vulneráveis. “Desde o vazamento de seu código-fonte, observamos um aumento de 200% nas variantes do Mirai que afetam o setor de varejo”, relata Passeri.

Esses dispositivos, muitas vezes subestimados em termos de riscos de segurança, podem ser explorados para lançar ataques de grande escala, como DDoS, que podem paralisar totalmente as operações de uma empresa. Implementar medidas de segurança rigorosas, incluindo atualizações regulares e monitoramento contínuo de dispositivos, torna-se essencial para prevenir tais incidentes.

Mudança para Plataformas da Microsoft e Implicações de Segurança

Com a transição de aplicações populares do Google Cloud para serviços da Microsoft, como OneDrive e Outlook, observa-se um novo vetor de ataque. “O OneDrive, por sua popularidade e confiabilidade, tornou-se um canal frequente para a distribuição de malwares, com um aumento de 40% nos ataques através desta plataforma no último ano”, destaca o relatório da Netskope.

Esse fenômeno exige uma revisão das políticas de segurança e a implementação de tecnologias como sandboxing e análise comportamental para detectar e neutralizar ameaças antes que elas causem danos.

Impacto das Redes Sociais e Comunicação no Varejo

O uso crescente de plataformas sociais como WhatsApp, X, Facebook e Instagram no setor de varejo também apresenta desafios de segurança. A popularidade desses canais pode abrir portas para novos tipos de ataques cibernéticos, especialmente através de phishing e scams direcionados.

“É vital estender as práticas de segurança para cobrir essas plataformas, onde muitas interações com clientes acontecem diariamente”, afirma Passeri. A formação e conscientização contínua dos funcionários sobre os riscos associados ao uso dessas plataformas são medidas cruciais para mitigar possíveis brechas.

As tendências de segurança no varejo mostram uma clara necessidade de adaptação e fortalecimento das estratégias de segurança para enfrentar a evolução das ameaças cibernéticas.

A integração de soluções avançadas de segurança, juntamente com uma política de conscientização e educação contínua, é fundamental para proteger os ativos e garantir a confiabilidade e a continuidade dos serviços no setor de varejo. Com o panorama de ameaças em constante mudança, a vigilância e a adaptação proativas são mais importantes do que nunca.

Assine nossa Newsletter para receber os melhores conteúdos do Itshow em sua caixa de entrada.

Lairiane Brasil
Lairiane Brasil
Formada em Direito, redatora e publisher no portal de notícias Itshow. Possui uma rica experiência em contribuir para blogs renomados, incluindo Seu Crédito Digital, Multiverso Notícias e Meu Banco Digital. Atualmente, aprimora seus conhecimentos sobre redação e marketing de conteúdo, sempre buscando inovar e trazer novas perspectivas para o universo digital.
Postagens recomendadas
Outras postagens