28.8 C
São Paulo
quarta-feira, fevereiro 28, 2024
InícioLiderança de TIGartner: 81% dos CIOs planejam expandir equipes de TI em 2023

Gartner: 81% dos CIOs planejam expandir equipes de TI em 2023

Uma pesquisa realizada recentemente pelo Gartner revelou que 81% dos CIOs de grandes empresas têm planos de aumentar suas equipes de TI no próximo ano. Essa decisão estratégica reflete a necessidade de atender às demandas críticas de habilidades tecnológicas e impulsionar a transformação digital das organizações.

Os resultados da pesquisa mostram que apenas 14% dos CIOs esperam uma redução no número de funcionários de TI, enquanto 5% não preveem alterações. Essa tendência de expansão reflete a importância de contar com equipes capacitadas para impulsionar a inovação e garantir a competitividade das empresas no mercado.

De acordo com Jose Ramirez, analista principal sênior do Gartner, “atrair e reter talentos tecnológicos continuam sendo áreas críticas de preocupação para os CIOs. Mesmo com os avanços na IA, o Gartner prevê que o impacto global no trabalho será neutro nos próximos anos devido a atrasos na adoção corporativa, tempos de implementação e curvas de aprendizado.”

Dois homens em uma reunião para representar a pesquisa do Gartner que revela que 81% dos CIOs planejam expandir equipes de TI.
Imagem gerada por Inteligência Artificial.

CIOs enfrentam desafios na contratação

Embora os CIOs estejam empenhados em expandir suas equipes, muitos enfrentam obstáculos na contratação devido às condições econômicas voláteis. A pesquisa do Gartner revelou que 41% dos CIOs de grandes empresas relataram contratações lentas para funções, enquanto 35% mencionaram uma redução no orçamento geral de TI. Além disso, 29% relataram um congelamento de contratações.

Para combater a volatilidade econômica, os CIOs estão adotando medidas proativas, como relaxar os requisitos geográficos e de função, a fim de expandir o pipeline de talentos de TI. Essa abordagem estratégica visa atrair profissionais qualificados e suprir as demandas do setor.

Dependência de recursos humanos é impulsionada pela transformação digital

A pesquisa do Gartner também revelou que a dependência de recursos humanos é impulsionada pela necessidade de acelerar a transformação digital nas empresas. Nos últimos dois anos, as empresas têm buscado diversas iniciativas digitais, sendo a excelência operacional e a experiência do cliente ou usuário as mais populares. No entanto, essas iniciativas nem sempre são implementadas com rapidez suficiente para atender às necessidades da empresa.

Para apoiar as iniciativas digitais, 67% dos CIOs planejam aumentar o número de funcionários de TI em pelo menos 10% em 2023. Essa expansão tem como objetivo fortalecer as equipes de TI e garantir a agilidade necessária para impulsionar a transformação digital.

Diversas pessoas em uma reunião para representar a pesquisa do Gartner que revela que 81% dos CIOs planejam expandir equipes de TI.
Imagem gerada por Inteligência Artificial.

Habilidades técnicas, interpessoais e adequação cultural são requisitos chave

Durante o processo de contratação, os CIOs de grandes empresas procuram candidatos que possuam habilidades técnicas necessárias, habilidades interpessoais (como comunicação e gerenciamento de relacionamento) e adequação cultural. A segurança cibernética, as plataformas de nuvem e a experiência do cliente/usuário foram apontadas como as três habilidades técnicas mais críticas em 2023.

A fim de garantir que as equipes de TI tenham as competências necessárias para atender aos objetivos da empresa, quase metade dos CIOs (46%) planeja investir em programas de treinamento para aprimorar e qualificar seus profissionais. Além disso, a mesma porcentagem pretende estabelecer equipes de fusão, buscando uma combinação eficiente de talentos e habilidades. A automação do fluxo de trabalho também está nos planos de 46% dos CIOs, visando liberar tempo para atividades mais estratégicas.

Modelo de força de trabalho combinado de TI e domínio de negócios

Recrutar os especialistas em TI certos demanda tempo e planejamento, especialmente para habilidades em arquitetura, segurança cibernética, computação em nuvem e desenvolvimento ágil de software. Jose Ramirez enfatiza a importância de adotar um modelo de força de trabalho combinado de TI e funções de domínio de negócios para alcançar os objetivos da empresa.

Esse modelo permite uma colaboração mais estreita entre os profissionais de TI e as áreas de negócio, garantindo que as equipes tenham habilidades relevantes para impulsionar a inovação e atender às necessidades do mercado em constante evolução.

A pesquisa do Gartner foi realizada de outubro a novembro de 2022, com 501 entrevistados, sendo 182 deles CIOs de grandes empresas nas regiões da América do Norte, EMEA e APAC. O segmento de grandes empresas é composto por organizações com receita anual total de US$ 1 bilhão ou mais.

Assine nossa Newsletter para receber os melhores conteúdos do Itshow em sua caixa de entrada.

Erika Rodrigues
Erika Rodrigues
Sou repórter e redatora no Itshow. Já produzi diversas matérias como jovem repórter do Núcleo de Jornalismo Investigativo da Record TV, onde também fiz parte da equipe de apuração da Agência Record, abastecendo os principais jornais da casa, além do portal R7. Com dedicação e comprometimento, estou sempre em busca de novos desafios e oportunidades de crescimento em carreira.
Postagens recomendadas
Outras postagens