22.8 C
São Paulo
sábado, fevereiro 24, 2024
InícioCibersegurançaSegurança de RedesCryptojacking ou mineração de moedas: Entenda como funciona

Cryptojacking ou mineração de moedas: Entenda como funciona

Cryptojacking ou mineração de moedas, é um processo de uso do poder de processamento de um computador para gerar criptomoeda. Isso é feito sem a permissão do usuário por agentes mal-intencionados que instalam software malicioso no computador do usuário e usam para minerar criptomoedas.

Esse processo pode ser muito lucrativo para os invasores, mas também pode causar sérios danos ao sistema do usuário. Neste artigo, discutiremos como o cryptojacking funciona e forneceremos algumas dicas sobre como se proteger dele.

  1. Cryptojacking: o que é e como funciona?
  2. O que são criptomoedas?
  3. Quais os efeitos do Cryptojacking?
  4. O que classifica um ataque de cryptojacking?
  5. Como se livrar do problema?

Cryptojacking: o que é e como funciona?

Cryptojacking é um tipo de malware que pode minerar criptomoedas sem o conhecimento do usuário. Ele funciona sequestrando o poder de processamento do dispositivo que está infectando, assim usando-o para minerar criptomoedas.

Quando você visita um site, seu navegador carrega um script invisível que minera essas moedas virtuais enquanto você navega, esta é uma má notícia para você e para o proprietário do site, pois você não está recebendo nenhuma das moedas extraídas e seu dispositivo está desacelerando enquanto eles estão ganhando dinheiro com os recursos do seu computador.

Cryptojacks podem ser usados ​​como uma forma de ransomware, bloqueando seu dispositivo até que você pague o sequestrador em Bitcoin. O processo de mineração não é tão simples quanto parece, e pode custar muito caro para a vida útil da bateria do seu dispositivo.

A primeira maneira que os hackers podem fazer com que o computador de uma vítima minere as moedas virtuais secretamente é infectando-os com malware que foi programado para ser executado em segundo plano no computador da vítima. Este software não possui nenhuma indicação visível, por isso é difícil para o usuário percebê-lo.

A segunda maneira é redirecionando o tráfego da Internet por meio de um site ou rede malicioso. Este site ou rede usará o poder de processamento do computador da vítima, sem que ela saiba, para minerar criptomoedas.

Imagem de um homem usando computador para pular no crytpojacking.

O que são criptomoedas?

As criptomoedas são moedas digitais ou virtuais que usam criptografia para segurança e são descentralizadas, o que significa que não são controladas por nenhuma entidade. Eles existem em uma tecnologia de contabilidade distribuída chamada blockchain , que é um banco de dados público compartilhado que registra transações entre duas partes de maneira segura, verificável e permanente. 

Quais os efeitos do Cryptojacking?

O criptojacking é uma ação criminosa que pode ter efeitos graves em indivíduos e organizações. Ele afeta a segurança cibernética, podendo levar a perdas financeiras, roubo de dados e lentidão na capacidade de processamento, pois os hackers assumem o controle dos computadores dos usuários e de seus recursos. Além disso, também pode levar a problemas legais, pois alguns países têm leis contra acesso não autorizado ou uso indevido de sistemas de computador. Por esses motivos, é importante que indivíduos e organizações tomem medidas para se protegerem de ataques de cryptojacking e de outras ameaças. 

Sinais de que o seu computador está sendo utilizado para mineração

Existem várias maneiras pelas quais se pode detectar cryptojacks:

– Pode-se verificar seu computador para qualquer atividade incomum, como aumento do uso da CPU ou uso de alta largura de banda.

– Pode-se instalar uma extensão do navegador que detecta scripts de mineração de criptografia em sites.

– Pode-se monitorar o tráfego de rede com uma ferramenta de monitoramento de rede como o Wireshark.

Hacker mascarado planejando um ataque cibernético de Cryptojacking.

O que classifica um ataque de cryptojacking?

Estas são algumas dicas que você deve seguir para se proteger desse tipo de malware.

1. Use um software antivírus para verificar os arquivos antes de abri-los.

2. Instale uma extensão de bloqueador de anúncios em seu navegador para impedir que anúncios maliciosos sejam executados em seu navegador e instale malware em seu computador.

3. Desative o Java nas configurações do navegador se você não precisar dele por qualquer outro motivo.

4. Atualize sempre seu software e sistemas operacionais. As versões mais recentes serão corrigidas contra as vulnerabilidades de segurança mais recentes.

5. Instale um software antivírus respeitável que tenha sido atualizado recentemente. Isso ajuda você a detectar qualquer malware que possa ter passado pelo firewall ou bloqueador de anúncios.

6. Baixe apenas software de fontes encontradas, como o site oficial do programa, não sites de terceiros onde você não pode verificar se são seguros ou não.

7. Fique por dentro das tendências do cryptojacking.

Um celular exibindo uma caveira de  sua tela com cryptojacking.

Como se livrar do problema?

Matar e bloquear scripts entregues pelo site. Para ataques de JavaScript no navegador, a solução é simples, uma vez que a mineração de criptomoedas é detectada: remova a guia do navegador que está executando o script.

A TI deve observar o URL do site que é a fonte do script e atualizar os filtros da web da empresa para bloqueá-lo. É aconselhado considerar a implantação de ferramentas de mineração anti-criptografia para ajudar a evitar futuros ataques, e também atualizar e limpar as extensões do navegador.

Assine nossa Newsletter para receber os melhores conteúdos do Itshow em sua caixa de entrada.

Marcio Montagnani
Marcio Montagnani
Especialista em Desenvolvimento de Negócios e Empreendedor, com mais de 15 anos de experiência na área de TI e Telecom, atualmente vem impulsionando o crescimento de negócios por meio de planejamento estratégico e soluções inovadoras. Buscando a excelência em todos os empreendimentos.
Postagens recomendadas
Outras postagens