23.2 C
São Paulo
sábado, fevereiro 24, 2024
InícioInfraestrutura e TIGestão de infraestrutura de TI: como implementar na sua empresa

Gestão de infraestrutura de TI: como implementar na sua empresa

Na era atual, onde a tecnologia se estabelece como a espinha dorsal das operações de negócios, a gestão eficiente da infraestrutura tornou-se um elemento vital para o sucesso empresarial. 

Com atributos como alta qualidade, velocidade e escalabilidade, o cabeamento óptico emergiu como uma opção superior para organizações que buscam se alinhar com as demandas do mercado moderno.

Inovações como FTTO (Fiber to the Office) e FTTH (Fiber to the Home) são testemunhas desta mudança, permitindo a implementação exclusiva de fibra óptica em ambientes corporativos. 

Com a transformação digital se aprofundando cada vez mais, as empresas são compelidas a reavaliar e atualizar suas infraestruturas legadas. Isso se torna essencial não apenas para modernização, mas também para atender ao crescente tráfego de dados e demandas de banda larga. 

A transição para infraestruturas modernas e eficientes, no entanto, pode apresentar desafios significativos. É o que alerta Paulo Santos, arquiteto de infraestrutura e convidado do terceiro episódio do Especial Conectividade, promovido pela CommScope e pelo podcast Itshow. 

Paulo continua, dizendo que, neste contexto, as soluções baseadas em modelos de serviço, como as-a-service, surgem como alternativas viáveis, fornecendo tecnologias atualizadas sem a necessidade de grandes investimentos iniciais.

Além disso, quando a infraestrutura existente se mostra insuficiente, há uma gama de opções disponíveis para as empresas, incluindo serviços de colocation e equipamentos de switch oferecidos por grandes datacenters. 

gestão de infraestrutura
Imagem gerada por Inteligência Artificial (IA)

Como funciona a gestão de infraestrutura de TI

Com o avanço dos serviços de Tecnologia da Informação (TI), surgiram novas abordagens e modelos, entre eles os Managed Service Providers (MSPs), que se caracterizam por um enfoque preventivo e uma abordagem proativa.

Os MSPs operam de maneira automatizada, proporcionando soluções remotas através de métodos testados e comprovados, visando aprimorar a eficiência do departamento de TI de uma organização. 

Esses serviços não apenas gerenciam a infraestrutura de TI, mas também funcionam de forma similar a um Help Desk, auxiliando os usuários do cliente na adoção de práticas recomendadas e no uso de soluções para enfrentar desafios diários relacionados à computação.

Para gerir uma infraestrutura de TI, os MSPs devem adotar várias práticas. Isso inclui apresentar suas ações por meio de métricas simples e claras, introduzir inovações que potencializem as capacidades do cliente e explicar suas ações em uma linguagem acessível para os gestores. Além disso, eles devem contribuir ativamente para superar os desafios do ambiente corporativo e estimular o crescimento dos usuários, melhorando seu conhecimento e independência.

Ouça agora o 3º episódio do Especial Conectividade disponível no Spotify!

Tipos de gerenciamento de infraestrutura

Gerenciamento do Sistema Operacional

Essa abordagem envolve a supervisão e controle dos ambientes que utilizam o mesmo sistema operacional, abrangendo a gestão de conteúdo, aplicação de patches, provisionamento e subscrições.

Gerenciamento da nuvem

Este segmento permite aos administradores gerenciar todos os aspectos de uma nuvem, incluindo serviços, aplicações, dados e usuários finais. Isso é alcançado através do gerenciamento eficaz de recuperação de desastres, integração e utilização, bem como a implantação de recursos.

Gerenciamento da virtualização

Proporciona uma conexão entre ambientes virtuais e o hardware físico, facilitando a administração de recursos, melhorando a análise de dados e otimizando as operações.

Gerenciamento das operações de TI

Também conhecido como gerenciamento de processos de negócios, envolve a modelagem, análise e otimização dos processos empresariais que são repetitivos, contínuos ou previsíveis.

Automação da TI

Implementa instruções e processos reproduzíveis para diminuir ou substituir a interação humana com os sistemas de TI, conhecida também como automação de infraestrutura.

Quer saber mais sobre a importância da gestão de infraestrutura? Baixe agora o nosso material de apoio!

Orquestração de containers

Automatiza a implementação, administração, escalonamento e networking de containers.

Gerenciamento da configuração

Foca em manter softwares, servidores e sistemas de computador em um estado consistente e desejado.

Gerenciamento da API

Envolve a distribuição, controle e análise das interfaces de programação de aplicações (APIs), que ligam aplicações e dados entre empresas e nuvens.

Gerenciamento de riscos

Identifica e avalia riscos, desenvolvendo estratégias para minimizá-los ou controlá-los, mitigando impactos potenciais.

Gerenciamento de dados

Abrange a coleta, armazenamento e utilização de dados, proporcionando às organizações conhecimento sobre os dados disponíveis, localização, propriedade, acessibilidade e visibilidade.

Qual é a importância da gestão de infraestrutura

Uma gestão eficiente pode garantir uma infraestrutura sólida no setor de Tecnologia da Informação (TI), fornecendo ferramentas que impulsionam o crescimento da empresa e apoiam o alcance de seus objetivos organizacionais.

Além disso, administrar adequadamente essa área permite a automação eficaz de vários processos, a redução de custos e o aumento da produtividade em todos os aspectos do negócio.

gestão de infraestrutura
Imagem gerada por Inteligência Artificial (IA)

Como implementar uma boa gestão de infraestrutura em TI na sua empresa

É essencial para uma Gestão de Infraestrutura eficaz garantir a segurança da rede da empresa, prevenindo ataques cibernéticos e o acesso não autorizado a informações críticas do negócio.

Além disso, é preciso implementar um sistema de computação em nuvem. Esta tecnologia não só armazena dados automaticamente na nuvem, mas também realiza backups de informações essenciais. Assim, muitos processos são automatizados, facilitando a otimização da infraestrutura.

O objetivo principal dessa gestão é assegurar o suporte e o controle adequados de toda a infraestrutura, garantindo o bom funcionamento de todas as operações. Portanto, manter a gestão da infraestrutura atualizada minimiza a probabilidade de falhas nos equipamentos, evitando inatividade.

Isso é fundamental para preservar a produtividade do negócio e dos colaboradores, que dependem da tecnologia para desempenhar suas funções. Na prática, essa gestão inclui uma variedade de tarefas, como o gerenciamento de redes, sistemas e armazenamento, entre outros aspectos.

Assine nossa Newsletter para receber os melhores conteúdos do Itshow em sua caixa de entrada.

Fernanda Martins
Fernanda Martins
Formada em Letras, com pós em mídias sociais, e redatora do portal de notícias Itshow. Já escreveu para vários blogs de cultura pop, produziu conteúdo no Facebook e no Instagram sobre literatura e até escreveu algumas fanfics pela internet. Hoje, se especializa em redação e usa suas habilidades de escrita crítica e literária para trazer mais sensibilidade aos textos e continuar fazendo o que ama.
Postagens recomendadas
Outras postagens