25.6 C
São Paulo
terça-feira, abril 16, 2024
InícioTransformação digitalTudo sobre gestão de produtos digitais e como essa nova tendência está...

Tudo sobre gestão de produtos digitais e como essa nova tendência está impactando o mercado

A gestão de produtos digitais está no cerne da transformação digital, marcando uma transição significativa na forma como projetos de tecnologia são percebidos e conduzidos. Wagner Kool Monteiro, especialista à frente da Transformação Digital na BASF e convidado do quarto episódio do Especial Omnichannel by Avaya, destaca a evolução na mentalidade corporativa, que agora aborda a tecnologia não mais como projetos isolados, mas como ‘produtos digitais’ — entidades dinâmicas e adaptáveis que demandam um ciclo de vida gerencial ativo e contínuo. 

Esta abordagem inovadora sublinha a importância de ver esses produtos como “sistemas vivos”, que precisam de manutenção e atualizações constantes para atender às expectativas em evolução dos clientes e às tendências de mercado. 

A gestão eficaz de produtos digitais, portanto, exige uma compreensão aprofundada de sua natureza fluida e a implementação de estratégias que garantam sua relevância e eficácia a longo prazo. 

Este artigo explora os desafios e as estratégias para gerenciar produtos digitais de maneira eficaz, assegurando que eles continuem a oferecer valor excepcional aos usuários e permaneçam competitivos em um ambiente de negócios digital em rápida mudança.

gestão de produtos digitais
Imagem gerada por Inteligência Artificial (IA)

O que são produtos digitais

Produtos digitais, também conhecidos como infoprodutos, representam conteúdos vendidos e consumidos exclusivamente via internet. Esses bens não tangíveis dispensam a necessidade de um espaço físico para armazenamento ou de um sistema logístico para entrega.

Entre os exemplos mais frequentes estão cursos à distância, livros digitais, softwares, aplicativos, podcasts e seminários online. Esses itens, que podem ser facilmente disseminados em formato digital para serem baixados ou acessados via streaming, têm como foco principal a transmissão de conhecimento em áreas específicas ou a apresentação de soluções para questões particulares.

Por que investir em produtos digitais

Tendência crescente de mercado

Os produtos digitais estão cada vez mais em voga, especialmente após a ascensão do consumo online provocada pela pandemia em 2020. Com a facilidade de compra e acesso por qualquer indivíduo conectado à internet, os infoprodutos desfrutam de um vasto interesse e procura por parte dos consumidores.

Redução de custos iniciais

Lançar um produto digital requer um investimento inicial significativamente menor em comparação com produtos físicos. A produção tende a ser mais econômica e simplificada, eliminando-se a necessidade de despender recursos em logística de armazenamento e distribuição.

Essa economia na fase de criação e venda propicia não apenas uma redução de custos, mas também possibilita a geração de lucros mais elevados.

Potencial de escalabilidade

Os produtos digitais oferecem a vantagem de serem comercializados sem limitações, permitindo alcançar um número crescente de consumidores sem grandes aumentos no custo.

Investindo em estratégias eficazes de marketing digital, seja através de SEO ou campanhas pagas, é possível expandir continuamente o alcance do infoproduto, escalando as vendas de maneira sustentável.

AnyConv.com 1 7
Tudo sobre gestão de produtos digitais e como essa nova tendência está impactando o mercado 5

Ouça agora o episódio 4 da série Especial Omnichannel by Avaya disponível no Spotify!

Fortalecimento da autoridade da marca

Ao fornecer um produto digital que se destaque pela qualidade e pertinência, a marca pode fortalecer sua posição e credibilidade dentro de seu nicho de mercado. Essa percepção de valor e autoridade contribui significativamente para a construção e consolidação da imagem da marca perante seu público-alvo.

O que é gestão de produtos digitais

A gestão de produtos digitais engloba uma série de estratégias e práticas destinadas ao eficaz gerenciamento de um produto ou serviço digital, cobrindo desde sua concepção e desenvolvimento até a fase de comercialização.

Nesse contexto, o gestor de produtos digitais desempenha um papel crucial, assegurando que as metas da empresa estejam alinhadas às necessidades e expectativas dos clientes. Esse profissional dedica-se continuamente a promover a satisfação dos usuários com o produto digital.

Este enfoque no cliente transcende a mera gestão de produtos digitais, refletindo uma orientação global que pode impulsionar significativamente o sucesso das organizações.

Um estudo da PWC, firma de consultoria e auditoria, sublinha que “a experiência é primordial”. A pesquisa, que ouviu 15.000 consumidores em 12 diferentes países, revelou que 73% dos participantes veem a experiência do cliente como um elemento crucial nas decisões de compra. Além disso, 43% dos entrevistados disseram que pagariam mais por conveniência e conforto, enquanto 42% investiriam em uma experiência acolhedora e amistosa.

Focando especificamente nos consumidores do Brasil, os dados são ainda mais expressivos: 89% apontam a experiência do cliente como determinante na escolha de fechar um negócio.

Dessa forma, a disponibilização de produtos e serviços de alta qualidade, acompanhados de um atendimento de excelência que assegure confiança e supere expectativas, torna-se vital para o sucesso do projeto e a estabilidade financeira da empresa.

Tal desempenho de qualidade superior é fruto do trabalho árduo da gestão de produtos digitais. Através de análises de mercado e monitoramento de indicadores-chave, essa gestão direciona os esforços e recursos da empresa de maneira estratégica e focada.

AnyConv.com 2 7 1
Tudo sobre gestão de produtos digitais e como essa nova tendência está impactando o mercado 6

Quer saber mais sobre gestão de produtos digitais? Baixe agora o nosso material de apoio!

Principais exemplos de gestão de produtos digitais

Nubank

O Nubank, o banco digital líder no Brasil, emergiu como um gigante no setor bancário desde sua fundação em 2013, tornando-se um modelo para empreendedores globais. Como precursor no ramo de serviços financeiros digitais, a empresa se consolidou não apenas como uma provedora de cartões de crédito, mas como uma fintech de destaque. 

A simplicidade na abertura de contas, na solicitação de cartões e na execução de operações bancárias diretamente do smartphone foi um diferencial que posicionou o Nubank à frente no mercado de tecnologia financeira.

A agilidade e menor complexidade em comparação aos bancos convencionais catapultaram sua popularidade. Uma pesquisa do Bank of America em colaboração com a Sensor Tower revelou um crescimento exponencial dos bancos digitais no Brasil, com um pico histórico de downloads nos primeiros dois meses de 2022. 

gestão de produtos digitais
Imagem gerada por Inteligência Artificial (IA)

Spotify

O Spotify, criado em 2008 em Estocolmo, na Suécia, transformou o consumo de música e se estabeleceu como uma referência em produtos digitais. A plataforma disponibiliza uma vasta biblioteca de músicas, podcasts, audiobooks e playlists, com opções de personalização avançadas. 

Com um modelo gratuito suportado por anúncios e uma versão premium sem propagandas, que oferece liberdade para mudança de faixas e criação de playlists personalizadas, o Spotify atende a uma ampla gama de preferências dos usuários.

No segundo trimestre de 2022, a empresa viu seu faturamento crescer 23%, com um aumento de 19% no número de usuários ativos mensais, alcançando 433 milhões. A modalidade Spotify Premium registrou 188 milhões de assinantes, representando um crescimento de 14%.

Gestão de produtos digitais no mercado moderno

A evolução digital, já em andamento e significativamente acelerada pela pandemia de COVID-19, forçou as organizações a se adaptarem a ambientes digitais, aumentando a necessidade de recrutar profissionais especializados para navegar em um mercado cada vez mais orientado para o digital.

Na interseção entre negócios e tecnologia, a gestão de produtos digitais é executada por especialistas que não só captam as exigências e dinâmicas do setor empresarial para o contexto digital, mas também interpretam as expectativas e preferências do público por meio do estudo detalhado de dados, indicadores e informações relevantes.

Assine nossa Newsletter para receber os melhores conteúdos do Itshow em sua caixa de entrada.

Fernanda Martins
Fernanda Martins
Formada em Letras, com pós em mídias sociais, e redatora do portal de notícias Itshow. Já escreveu para vários blogs de cultura pop, produziu conteúdo no Facebook e no Instagram sobre literatura e até escreveu algumas fanfics pela internet. Hoje, se especializa em redação e usa suas habilidades de escrita crítica e literária para trazer mais sensibilidade aos textos e continuar fazendo o que ama.
Postagens recomendadas
Outras postagens