23.2 C
São Paulo
sábado, fevereiro 24, 2024
InícioInfraestrutura e TIAutomação de TI: 5 ferramentas de automação que vão otimizar as tarefas...

Automação de TI: 5 ferramentas de automação que vão otimizar as tarefas de TI da sua empresa

O que é automação de TI

A automação de TI, também chamada de automação de infraestrutura, caracteriza-se pelo uso estratégico de softwares que criam instruções e processos padronizados, visando minimizar ou até eliminar a necessidade de interação humana com os sistemas tecnológicos. 

Essa abordagem não só otimiza a gestão de infraestrutura, mas também representa um pilar fundamental na jornada da transformação digital das organizações. Em ambientes de TI contemporâneos, a demanda por escalabilidade e adaptabilidade em velocidades inéditas torna-se imperativa. 

Assim, a automação de TI é uma resposta a essa necessidade, permeando áreas tão vastas quanto a automação de redes, provisionamento em nuvem, implantação de aplicações e gerenciamento de configuração. De maneira mais específica, pode ser observada em contextos como containers, metodologias DevOps, cloud computing, edge computing e até mesmo em esferas como segurança e monitoramento.

Empresas de todos os tamanhos já reconhecem e se beneficiam das vantagens da automação de TI. Seja através da movimentação autônoma de arquivos entre sistemas, na geração de relatórios de desempenho de rede ou na gestão eficaz de incidentes – onde um simples registro de ticket pode disparar uma série de ações automatizadas. 

A realidade é clara: em um cenário tecnológico cada vez mais dinâmico e competitivo, a automação não é apenas uma ferramenta de otimização, mas uma estratégia indispensável para aqueles que buscam liderança e inovação no universo da TI.

fábrica com várias máquinas
Imagem gerada por Inteligência Artificial (IA)

Vantagens da automação de TI

Provisionamento

Com a revolução tecnológica, muitos dos componentes físicos de um datacenter foram substituídos por ativos virtualizados, desde datacenters definidos por software até máquinas virtuais e containers. 

Esta transformação habilitou uma maior escalabilidade e capacidade, exigindo a codificação de processos. A automação surge como uma solução para maximizar esses avanços, permitindo configurações eficientes através da infraestrutura como código, otimizando o uso dos recursos existentes e alinhando-se às metas futuras das empresas.

Gerenciamento de configuração

Aplicações diversas requerem diferentes configurações, tornando-se um desafio gerenciar de forma eficaz com o aumento da complexidade. Armazenar configurações em documentos ou emails não é suficiente para um ambiente robusto e replicável. 

Soluções de automação oferecem uma forma padronizada e compreensível de definir e gerenciar essas configurações, tornando o gerenciamento de sistemas mais simplificado e eficiente.

Orquestração

O crescente ecossistema de TI compreende várias aplicações distribuídas em múltiplos datacenters e infraestruturas. A orquestração é a combinação de múltiplas tarefas automatizadas em sistemas ou máquinas, e com automação robusta, a gestão dessas orquestrações torna-se mais fluida, permitindo monitoramento e integração simplificados.

Migração de TI

O processo de migração, seja de dados, aplicações ou sistemas operacionais, é complexo e específico para as necessidades de cada organização. Automação em migrações de TI proporciona uma abordagem mais ágil e reduz a margem de erros que podem surgir de tarefas manuais repetitivas, tornando o processo mais fluido e confiável.

Implantação de aplicações

Os pipelines de desenvolvimento modernos, seja através de abordagens tradicionais ou CI/CD, dependem da automação. Esta garante uma transição mais suave do desenvolvimento para a implantação, reduzindo erros humanos e aumentando a eficiência. 

Com a automação, a configuração e execução de aplicações ocorre de forma transparente, permitindo uma compreensão unificada entre os membros da equipe de TI.

Quer saber mais sobre automação de TI? Baixe agora o nosso material de apoio!

Segurança e conformidade

A automação desempenha um papel essencial na definição e implementação de políticas de segurança e conformidade em toda a infraestrutura. Com processos automatizados e padronizados, as auditorias tornam-se mais simples, garantindo que as diretrizes de segurança sejam implementadas consistentemente. 

Essa proatividade no gerenciamento de segurança e conformidade assegura uma infraestrutura de TI mais resiliente e adaptável às constantes evoluções normativas.

5 profissões em que se pode aplicar a automação de TI

1. Atendimento ao usuário

Enquanto a TI ganha uma relevância cada vez maior na estratégia da empresa, também tem o dever de gerir e assegurar a operacionalidade dos sistemas. Utilizar a automação para aprimorar o atendimento de chamados, através de plataformas gerenciadoras, permite uma gestão mais eficiente, garantindo um serviço mais ágil e construindo uma base de conhecimento de referência.

2. Otimização da produtividade

Ao estabelecer fluxos de trabalho automatizados, que seguem um conjunto determinado de tarefas, cria-se uma sinergia entre tecnologia e metodologias bem planejadas. O resultado é um aproveitamento maximizado da tecnologia, potencializando os benefícios entregues.

3. Automação de backups

As organizações estão adotando a automação de backups, especialmente em ambientes de nuvem, para proporcionar acesso seguro e eficiente aos dados. Estas soluções automatizadas garantem restaurações rápidas em situações adversas, oferecem múltiplas camadas de segurança e mantêm registros detalhados das versões dos dados, eliminando a necessidade de uma supervisão constante.

4. Monitoramento e segurança automatizados

Através da automação, é possível reforçar as medidas de proteção e oferecer uma gestão mais confiável. Softwares de monitoramento podem rastrear acessos, modificações e emitir alertas em tempo real para potenciais ameaças. Ao proporcionar uma visão holística do sistema e liberar tempo para análises mais profundas, a equipe pode prevenir vulnerabilidades e agir de forma proativa.

5. Automação no gerenciamento de métricas

É fundamental que os profissionais de TI se baseiem em métricas e indicadores de desempenho confiáveis. A automação, nesse contexto, facilita a coleta, armazenamento e análise de dados, produzindo insights precisos. Estes, por sua vez, guiam a equipe na identificação de oportunidades e desafios, permitindo uma tomada de decisão mais fundamentada.

Ouça agora o 13º episódio disponível no Spotify!

Por onde começar

Em todas as organizações, independente do setor ou cargo, existem atividades repetitivas que demandam tempo e podem impactar a eficiência. Implementar soluções de automação específicas para esses processos, principalmente aqueles que são contínuos, bem-documentados, demorados, com maior risco de erros e adequados para automação, pode elevar a qualidade operacional. 

No entanto, é vital entender que a automação, mesmo que amplamente adotada, não substitui a intervenção humana, mas realoca a atenção dos colaboradores para atividades mais valiosas para a empresa.

Por que investir em automação de TI

Otimização da rotina da equipe

Através da automação, muitas tarefas, como análise de desempenho de rede e gestão da segurança de dados, tornam-se autônomas, permitindo que os profissionais de TI direcionem seu foco para questões mais complexas.

Benefícios expandidos por toda a empresa  

Além do setor de TI, diversos departamentos podem se beneficiar com a automação, permitindo aos softwares a execução de tarefas como elaboração de relatórios, processamento de notas fiscais e administração de estoques.

Minimização de erros  

Tarefas que são rotineiras, demoradas e susceptíveis a erros humanos podem ser geridas pela automação. Isso abrange processos diários importantes, transferências massivas de dados e inserções que são normalmente propensas a falhas.

Unificação de fluxos de trabalho

As soluções automatizadas possibilitam uma integração coesa de fluxos de trabalho em diferentes setores. Estas são concebidas para sintetizar diversas ferramentas, evitando a comum incompatibilidade entre as plataformas digitais da empresa.

Maximização da produtividade com o mesmo quadro de funcionários

Com a automação, as empresas têm a capacidade de expandir e melhorar operações sem a necessidade de incrementar significativamente o número de colaboradores.

Realização rápida de tarefas 

A automação potencializa a velocidade de execução de processos. Por exemplo, substituindo a documentação manual por uma automação, a empresa se livra de montanhas de papel, organiza informações de forma digital e garante um acesso rápido e de qualquer lugar a esses dados.

atendente de telemarketing e call center
Imagem gerada por Inteligência Artificial (IA)

5 ferramentas de TI para a automação de processos da sua empresa

1. Selenium 

O Selenium destaca-se como uma ferramenta open source de automação de TI, reconhecida por sua capacidade de trabalhar com aplicações web – aquelas hospedadas e processadas por servidores, como as operações de um e-commerce (login, compra, pagamento e outros). Através do Selenium, é possível não apenas testar aplicações, mas também otimizar processos administrativos.

2. Terraform

Originário da HashiCorp, o Terraform se estabelece como uma solução versátil para desenvolvimento de infraestrutura em múltiplas plataformas de nuvem, incluindo Amazon Web Services, Google Compute Engine e Azure, e oferece ao usuário uma visão consolidada e gerenciamento integral de projetos. 

3. Appium  

O Appium figura como uma opção robusta para automação de processos relacionados à criação de aplicativos. Sendo uma plataforma open source, proporciona uma estrutura que abrange o desenvolvimento de testes para aplicativos móveis, web e híbridos. Uma de suas características mais relevantes é a capacidade de testar apps Android, iOS e Windows usando o protocolo WebDriver, permitindo testes simultâneos em múltiplas plataformas com a mesma API, otimizando assim o processo de desenvolvimento.

4. Chef

Posicionando-se no mercado como um software de “automação contínua”, o Chef atende à dinâmica sempre mutável da tecnologia, auxiliando no desenvolvimento de soluções corporativas na nuvem. O software apresenta uma estrutura de codificação que prioriza a simplicidade e a repetibilidade, evitando potenciais entraves. 

5. Katalon Studio 

Concluindo a lista, o Katalon Studio é uma ferramenta que facilita a criação de testes automatizados em diferentes plataformas. Integrando-se facilmente com os pipelines de CI/CD, essa ferramenta aprimora a eficiência dos testes. Além disso, o “Katalon TestOps” proporciona relatórios detalhados, assegurando que os desenvolvedores tenham insights valiosos para maximizar a qualidade de seu trabalho.

A revolução da automação de TI: otimizando processos e potencializando negócios através da inteligência artificial

No cenário atual de tecnologia e inovação, a Inteligência Artificial (IA) emerge como uma força propulsora que impulsiona a eficiência e automação de processos em múltiplos setores. Como Cleyton Ferreira, Diretor de Tecnologia e Produtos na Compass UOL, destaca, a IA não visa necessariamente a substituição integral de atividades humanas; sua principal força reside em acelerar e otimizar tarefas já existentes. A sua capacidade de transformar atividades que anteriormente levavam dias para serem completadas em meros minutos é um testemunho do seu poder revolucionário.

robô de inteligência artificial
Imagem gerada por Inteligência Artificial (IA)

Cleyton também salienta que, mesmo com o crescimento exponencial da IA, sempre haverá componentes mais intrincados e complexos nos sistemas e plataformas que demandarão o olhar crítico e a intervenção humana. Um exemplo claro dessa coexistência pode ser visto no desenvolvimento de software. Enquanto etapas mais simples, como cadastros, caminham para a automação completa, módulos mais sofisticados ainda necessitam da supervisão humana.

Um ponto-chave abordado é o RPA (Robotic Process Automation) e sua sinergia com a IA. Essa combinação é emblemática da revolução que estamos presenciando, na qual robôs programados para tarefas específicas são potencializados pela IA, resultando em processos que outrora exigiam intervenção humana sendo realizados de forma autônoma e inteligente.

Para os profissionais de TI e tomadores de decisão nas empresas, a mensagem é clara: a automação, impulsionada pela IA, não é apenas o futuro – ela é o presente. As organizações que entenderem e abraçarem essa tendência estarão melhor posicionadas para enfrentar os desafios do amanhã, garantindo agilidade, precisão e eficiência em suas operações. Em um mundo em que a tecnologia evolui a passos largos, é essencial estar na vanguarda dessas transformações, moldando o futuro e capitalizando sobre as inúmeras oportunidades que a automação e a IA proporcionam.

Assine nossa Newsletter para receber os melhores conteúdos do Itshow em sua caixa de entrada.

Fernanda Martins
Fernanda Martins
Formada em Letras, com pós em mídias sociais, e redatora do portal de notícias Itshow. Já escreveu para vários blogs de cultura pop, produziu conteúdo no Facebook e no Instagram sobre literatura e até escreveu algumas fanfics pela internet. Hoje, se especializa em redação e usa suas habilidades de escrita crítica e literária para trazer mais sensibilidade aos textos e continuar fazendo o que ama.
Postagens recomendadas
Outras postagens